4 Dicas para potencializar o emagrecimento andando de bike

O ciclismo acabou se tornando um dos esportes mais visados e praticados na atualidade, por conta das inúmeras vantagens e benefícios que ele entrega, principalmente no quesito de saúde, trazendo um grande potencial de emagrecimento.

Entretanto, mesmo se tornando uma das maiores tendências dos esportes, ainda vale dizer que muitas pessoas desconhecem o ciclismo e suas principais características. Uma grande parcela da população ainda assimila o ato de andar de bike como um lazer.

Obviamente tal prática pode ser considerada um lazer, tendo em mente que a bike consegue tratar o estresse e entregar experiências e sensações únicas. Entretanto, na atualidade, o lazer está longe de ser o único ponto importante do ciclismo.

Sendo assim, caso você queira ficar por dentro de tudo que o ciclismo oferece, principalmente na área da saúde e emagrecimento, é fundamental que você busque se atentar a todas as informações a seguir.

Por que andar de bicicleta emagrece?

É um fato que muitas pessoas sabem do potencial que a bicicleta possui na luta em busca do emagrecimento, entretanto, saber tal ponto não é o suficiente.

Em qualquer prática ou atividade que realizamos, é extremamente importante que saibamos de todos os pontos, como cada movimento influencia no exercício, como o nosso corpo responde a tal prática, entre outros.

Sendo assim, pode-se dizer que ao andarmos de bicicleta, o nosso corpo acaba recebendo múltiplos estímulos, os quais possuem como consequência o emagrecimento. 

Começando pelo próprio hábito de pedalar, que nos força a realizar um movimento repetitivo com as nossas pernas e barriga. Tal movimento acaba favorecendo a queima de calorias e gorduras.

Além da queima, este movimento também acaba forçando o nosso pulmão e coração a trabalharem em um ritmo mais acelerado, aumentando assim, o funcionamento geral do nosso corpo e órgãos, inclusive o metabolismo.

Levando tais pontos em consideração, além de que o ciclismo é um esporte aeróbico, já que utilizamos o oxigênio para obtermos energia durante praticamos ele, pode-se dizer que o emagrecimento acaba sendo uma das principais consequências destes pontos. 

Como e por que escolher uma boa bicicleta?

Além de se atentar aos principais pontos e características do ciclismo e a resposta que o nosso corpo possui, você também deve entender que cada bicicleta foi feita para cada tipo de pessoa e corpo, portanto, é fundamental que você escolha a bicicleta certa para você.

Algo que a grande maioria das pessoas não sabem, é que o quadro das bicicletas possuem tamanhos, nos quais devem ser comprados de acordo com a sua altura, para assim, se encaixar perfeitamente com o seu corpo.

Caso você não se atente a este ponto ao escolher uma bicicleta, é provável que você tenha muitas dores, principalmente no joelho e costas, já que você estará utilizando uma bicicleta inapropriada para o seu corpo.

Além de causas tais dores, o exercício também será executado de forma errada, diminuindo os seus resultados, e aumentando as chances de você acabar desenvolvendo uma lesão.

Portanto, além de se atentar às peças, para assim, garantir que a bicicleta possui uma boa qualidade e durar bons anos, é essencial que você busque descobrir o tamanho certo do quadro para a sua altura.

Dicas para potencializar o emagrecimento andando de bike

Com isso, pode-se dizer que você já entendeu tudo que é necessário para compreender porque andar de bicicleta possui um alto potencial para o emagrecimento, além de escolher a bicicleta certa para você.

Vale dizer que existem algumas dicas e práticas que conseguem potencializar ainda mais o emagrecimento enquanto você anda de bike, sendo alguns deles:

Tenha metas de percursos longos

Os percursos longos possuem um tempo maior para serem concluídos, e por conta disso, você acaba executando o ciclismo por um período maior de tempo, favorecendo a maior queima de gorduras e calorias, além de acelerar o metabolismo.

Por conta disso, é extremamente importante que você busque traçar metas de percursos longos ao menos 1 vez por semana.

Aumente gradativamente a intensidade

Muitos iniciantes tentam alcançar intensidades e velocidades mais elevadas desde o primeiro treino, entretanto, tal prática acabou desanimando e frustrando o ciclista, já que ele não terá bons resultados.

É importante que você busque aumentar a intensidade e velocidade aos poucos, com o passar dos treinos.

Treinamento cruzado

Lembre-se de buscar por treinos e exercícios diversos, não foque somente em 1 treino específico, tendo em mente que tal hábito pode acabar lhe desanimando, ou até mesmo desgastando algum músculo, deixando-o mais apto para as lesões.

Treinamento HIIT

Por fim, não poderíamos deixar de citar sobre o treinamento HIIT, que pode ser resumido como o treinamento onde o ciclista busca desenvolver o seu potencial de explosão e recuperação.

Sendo assim, você terá que ter um marcador de tempo, e de tempos em tempos (espaço curto de tempo) você deverá revezar entre a sua velocidade máxima e uma velocidade baixa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *