4 de abril de 2018

General diz: ”Criminoso não é vítima. Vítima é a sociedade”

O general Eduardo Villas Bôas, comandante do Exército, usou a sua conta no Twitter neste sábado, 31, para detonar umas das principais narrativas da esquerda.



O militar contestou a visão de que os altos índices de criminalidade se explicam pelos problemas sociais do País.

“A sociedade deve ser estimulada a reagir à ideia de que o criminoso é vítima da mesquinheza social’, disse Villas Bôas. “Vítima é a sociedade. Criminoso é criminoso!” 

"DAS AÇÕES SIMILARES NO COMBATE À INSEGURANÇA PÚBLICA DEPREENDIDAS DO ESTUDO COMPARATIVO EM OUTROS PAÍSES, DESTACO COMO 3º PONTO QUE: A SOCIEDADE DEVE SER ESTIMULADA A REAGIR À IDEIA DE QUE “O CRIMINOSO É VÍTIMA DA MESQUINHEZA SOCIAL”. VÍTIMA É A SOCIEDADE. CRIMINOSO É CRIMINOSO!",  disse o general, no Twitter