9 de abril de 2018

Cardeal reprova ato religioso no sindicato: “Não foi missa”

A arquidiocese de São Paulo divulgou uma nota sobre o showmício de Lula ontem em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, chamado de missa pelos petistas.



Dom Odilo Scherer, papável no conclave que elegeu Jorge Mario Bergoglio, esclareceu:

“1. Não se tratou de Missa, mas de um ato ecumênico;

2. Foi iniciativa pessoal de quem promoveu o ato;

3. Não houve participação da CNBB nem da arquidiocese de São Paulo;

4. O ato aconteceu fora da jurisdição e responsabilidade do arcebispo e da arquidiocese de São Paulo.”

Dom Odilo disse, ainda, que “lamenta a instrumentalização política do ato religioso”.

Com informações do Antagonista