O sistema brasileiro está podre: gabaritos do Enem eram vendidos por R$ 180 mil, diz PF

Os candidatos pagavam entre R$ 150 mil a R$ 180 mil por um gabarito do Exame Nacional do Ensino Médio, descobriu a Polícia Federal na operação Embuste, realizada em Minas Gerais, Bahia e Ceará. 



A tecnologia usada pelo grupo criminoso responsável pela fraude possibilitava que o resultado chegasse a qualquer lugar do país e permitia ainda a comunicação entre quem repassava as respostas e quem as recebia.

Vinte e oito mandados foram expedidos pela Justiça, quatro de prisão temporária. Até a publicação desta reportagem, havia 10 prisões confirmadas só na operação Embuste. No total, 11 pessoas foram presas por suspeita de fraudes no Enem 2016, informou a Polícia Federal em entrevista coletiva.
O sistema brasileiro está podre: gabaritos do Enem eram vendidos por R$ 180 mil, diz PF O sistema brasileiro está podre: gabaritos do Enem eram vendidos por R$ 180 mil, diz PF Reviewed by Gabriel Henrique on 15:16 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.