TCU diz que governo está escondendo valor real dos gastos das olimpíadas

Auditoria do Tribunal de Contas da União (TCU) identificou que há gastos que não estão sendo considerados e nem divulgados para a sociedade brasileira. Entre as despesas nessa listas estão o custeio administrativo da Autoridade Pública Olímpica, por exemplo.

Além disso, também estão desconsideradas ações de ministérios relacionadas aos Jogos, como, Turismo, Defesa e Justiça e a manutenção das arenas nos períodos anterior, durante e posterior às competições.



O Tribunal também apontou que não há distinção entre as despesas correntes e de capital. Para o relator do processo, ministro Augusto Nardes, “isso torna praticamente impossível, até a presente data, fazer o cálculo do custo efetivo dos Jogos Rio-2016”.

O TCU determinou que o Ministério do Esporte, como coordenador do Comitê Gestor dos Jogos Olímpicos, reavalie, em conjunto com a APO, com outras pastas ministeriais envolvidas e com o atual Ministério da Transparência, Fiscalização e Controle, as informações que vêm sendo publicadas acerca da realização dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos no Brasil. A Corte de Contas quer que sejam consideradas todas as despesas referentes à realização dos Jogos.

O conclusão do TCU é parte do relatório consolidado das ações de controle realizadas em relação aos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio-2016. Foram avaliados plano de legado, obras das arenas esportivas, isenções fiscais, composição de despesas e governança.

Além da desconsideração de gastos e não distinção entre despesas correntes e de capital, foram identificados, entre outros, falta de transparência das ações de obras.
TCU diz que governo está escondendo valor real dos gastos das olimpíadas TCU diz que governo está escondendo valor real dos gastos das olimpíadas Reviewed by Gabriel Henrique on 20:50 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.