Delegados da Polícia Federal denunciam o sucateamento da instituição pelo governo do PT

Carta assinada por 28 delegados da Polícia Federal e endereçada ao ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, faz duras críticas a cortes no orçamento da corporação, que somam, segundo eles, R$ 133 milhões.


Os delegados afirmam que o corte, inevitavelmente, diminuirá o número de investigações da PF. O presidente da ADPF (Associação dos Delegados da Polícia Federal), Carlos Eduardo Miguel Sobral foi é um dos que assinam o documento, divulgado nesta terça-feira (29).

“A redução orçamentária dessa monta importará, necessariamente, na drástica diminuição das ações investigativas da Polícia Federal no ano que se aproxima, pois contratos celebrados para garantir o seu regular funcionamento serão suspensos ou cancelados e projetos que visam ao seu aprimoramento serão completamente abandonados, por absoluta falta de recurso”, relata o texto.



A ADPF ainda aponta como “grave e nítido” desmonte da Polícia Federal e cobra “menos discursos e mais ações efetivas do Ministério da Justiça”. De acordo com a associação, Cardozo não tem atuado “no sentido de denunciar e enfrentar esse claro desmonte do órgão”. Carlos Sobral já havia dito que a Polícia Federal não era prioridade no governo Dilma Rousseff.

Matéria: Diário do Brasil
Delegados da Polícia Federal denunciam o sucateamento da instituição pelo governo do PT Delegados da Polícia Federal denunciam o sucateamento da instituição pelo governo do PT Reviewed by Gabriel Henrique on 15:28 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.