3 de outubro de 2018

Tribunal nega recurso e Lula não poderá votar em eleição

O TRE-PR (Tribunal Regional Eleitoral do Paraná) negou mais uma vez, na noite desta terça-feira (2), o pedido do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para que votasse nas eleições deste ano.

TSE alega impossibilidade técnica para instalar urna na sede da Polícia Federal, em Curitiba: Tribunal nega recurso e Lula não poderá votar em eleição

A defesa do ex-mandatário havia entrado com um recurso no tribunal, questionando uma decisão anterior que apontou "impossibilidade técnica intransponível" para a instalação de uma seção eleitoral na sede da Polícia Federal em Curitiba, onde o petista está detido.

Normas do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) estabelecem o número mínimo de 20 eleitores para a instalação de uma urna, com o objetivo de preservar o sigilo do voto.

Sérgio Moro é o grande vitorioso na pesquisa do Datafolha

O juiz Sérgio Moro é o grande vitorioso com a pesquisa Datafolha publicada nesta terça (2) em que Jair Bolsonaro (PSL) cresceu de 28% para 32%.

Imagem relacionada

Segundo a sondagem, Fernando Haddad (PT) oscilou 1% negativo e disparou a rejeição ao PT nas últimas horas. Chega a 46% o número de eleitores que dizem não votar de jeito nenhum no candidato do PSL e a 41% os que rejeitam o candidato de Lula.

Moro é o responsável pelo freio na campanha petista porque, nas últimas horas, o magistrado disseminou uma fake news contra o PT na reta final de campanha.

Fake news: Manuela D’ávila não declarou guerra ao juiz Sérgio Moro

Circula na internet a imagem da deputada estadual Manuela D’Ávila, candidata do PCdoB à Vice-Presidência da República na chapa de Fernando Haddad (PT), declarando guerra ao Juiz Sérgio Moro e toda cúpula da Polícia Federal.



O falso print diz a seguinte afirmação:

“Declaro guerra contra Sérgio Moro e sua bancada. Agora pegaremos em armas para fazer a revolução igual a 59 anos atrás. #LulaLivre”

A imagem analisada pela equipe do Conexão Política é uma montagem.

1) – O user da candidata à Vice não é @manudeoputada como mostra a imagem, mas @manueladavida

2) O print contém muitos erros ortográficos e uma péssima resolução

3) Ao pesquisarmos a palavra ‘Guerra’ entre os tweets da Manuela, averiguamos que o último post foi lançado no dia 24 de julho. No falso material, a data nem sequer é publicada.

Haddad afirma que buscará “todas as formas de libertar Lula”

Fernando Haddad, o candidato que pretende esquentar a cadeira para o presidiário Lula, afirmou que fara de tudo para libertar o mesmo.



Lula está preso em Curitiba desde abril, e desde então tem sido visitado constantemente pelo candidato que busca orientações sobre como agir em campanha.

A fala foi dita no Rio de Janeiro, reduto de Bolsonaro, num comício na segunda feira. Haddad também fez um teatrinho e atacou sua aliada Rede Globo, que tem lutado com unhas e dentes pela implementação de pautas globalistas e socialistas no Brasil.